História da Poupança

Antigamente não existia um mecanismo que permitisse financiar a casa própria a longo prazo, em consequência disso o sonho de possui-la era privilégio de poucas pessoas.

Para solucionar esse problema, em 1964 foram criados mecanismos específicos para a obtenção de recursos. Um deles o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço o F.G.T.S.

As empresas passariam a depositar recursos na conta do empregado, dando-lhe direito de resgate somente quando fosse desligado da empresa e futuramente para aquisição da casa própria.

E a outra foi a Caderneta de Poupança, que visaria captação de recursos das poupanças populares na qual foi implantada em 1964/1965 através de um conjunto de empresas que em suas atividades, se dedicariam a esse segmento, constituindo-se assim, o Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimos o S.B.P.E.

Na prática esse sistema consiste em entidades financeiras públicas e privadas, chamadas também de agentes financeiros, que buscariam recursos da população, para exatamente financiar o sonho da casa própria.